Pular para o conteúdo principal

Postagens

Cardo Santo (Cnicus Benedictus)

Em doses moderadas é tônica e favorece as funções digestivas. Indicado em problemas gástricos, indigestão, asma e catarro nos brônquios. Antigamente a planta era chamada “refúgio dos doentes” e “tesouro dos pobres”, pois era usada como uma panacéia, desde para aliviar dores de cabeça até para estimular a memória.
Postagens recentes

Cardo Mariano (Silybum Marianum)

Também conhecida como silybum e cardo-de-santa-maria, é utilizada há milênios pelos povos da Ásia como diurética, tónica e regeneradora das células hepáticas e estimulante das funções biliares. É usada tradicionalmente no tratamento das doenças do fígado, cirrose e vesícula e também na desintoxicação e regeneração hepática, nos casos de alcoolismo e dependência química.

Cardamomo (Elettaria Subulatu)

Esta planta tem efeito digestivo, anti-séptico, diurético, laxante e expectorante. Usada popularmente para eliminar a H. pylori, a bactéria associada a úlceras. No Oriente, ganhou a fama de ser afrodisíaco. A semente dessa planta da família do gengibre, de folhas grandes e flores brancas, era mascada pelos egípcios para refrescar o hálito e limpar os dentes. Especiaria aromática de sabor adocicado, refrescante e picante, o cardamomo vem de uma planta de 1,50 metro de altura originária de Malabar, no sudoeste da Índia. Ele chegou à Europa por meio das rotas de exploração do Oriente e era cultivado nos mosteiros durante a Idade Média. Suas sementes eram usadas na fabricação de uma massa doce que os monges mascavam como chiclete. Os frutos do cardamomo contêm cápsulas alongadas ou redondas que protegem cerca de 20 sementes. É uma das especiarias mais caras, depois do açafrão e da baunilha, e amplamente utilizada nas cozinhas indiana, árabe e chinesa. Os melhores frutos são os proveniente…

Carapiá (Dorstenia Arifolia)

Depurativo, estimulante digestivo e age contra anemia. A raiz desta planta é usada como cataplasma para apressar a cicatrização de ossos fraturados.

Chá de Alfazema

Ingredientes: 2 colheres de chá de folhas frescas da alfazema e um litro de água.
Modo de Fazer: Ferva a água pura,quando levantar fervura, despeje sobre as folhas de alfazema.Deixe tampado por mais ou menos 10 minutos. Coe o chá e beba.
A alfazema é conhecida pelas sua utilizações em produtos cosméticos e na aromoterapia. No entanto, são poucos os que sabem que a infusão desta planta resulta num excelente chá antiespasmódico, e que é excelente no combate da flatulência, catarro, mau hálito e dores de cabeça.

Chá de Pata de Vaca

Ingredientes: 1 ou 2 folhas limpas da árvore, duas xícaras de água.
Modo de Fazer: Rasgar ou picar as folhas antes de colocar na água, para facilitar a extração das substâncias das folhas. Assim que levantar fervura, desligue o fogo e aguarde amornar, bebendo duas xícaras ao longo do dia, obviamente sem adoçar!
O chá de Pata de Vaca serve para tratar em especial a diabetes, sendo também muito útil nos cálculos da bexiga ou nos rins, hipertensão arterial, hemofilia, anemia, tratamento para obesidade, doenças do coração e doenças urinárias.

Chá de Tília

Ingredientes: 2 colheres de sopa da erva picada 1 litro de água
Modo de Fazer: leve a mistura ao lume. Desligue-o quando a água entrar em ebulição e deixe a mistura abafada e em repouso por um tempo de apenas 10 minutos. Coe bem antes de beber e adoce a gosto, com cuidado para que o açúcar não corte seus efeitos terapêuticos. É indicado o consumo de 2 a 3 xícaras ao dia.

O chá de tília é indicado para inúmeros males, entre eles os problemas do coração. Esta planta possui propriedades que ajudam a amenizar estes problemas, mas seu uso não deve ser feito de forma prolongada. Graças as suas propriedades antiespasmódicas a planta é indicada para casos de tosse, vindo a aliviar a mesma além de ajudar a melhorar o quadro de resfriado já que age como adstringente.
A flor de tília é indicada para relaxar a musculatura do aparelho digestivo, o chá é indicado em casos de problemas gastrointestinais como desconfortos, inflamações e problemas da vesícula biliar.
loading...